Prefeito de campus é dono de empresa e dispensou licitação no campus de Balsas

O prefeito de Campus, Deivid Porto Ferreira, tem digitais fortemente impressas no relatório distribuído ao grupo abrigado na Associação de Professores da Universidade Federal do Maranhão, Apruma, que vem fazendo sistemática campanha de difamação contra a candidatura do professor Natalino Salgado.

Com base no relatório elaborado pela Prefeitura de Campus, Precam, que em nenhum momento associa o nome de Natalino Salgado a atos ilícitos ou de desvio de recursos, porta-vozes do grupo colaboram para enlamear o processo eleitoral na Universidade Federal do Maranhão, UFMA.
Denúncias sem argumentação legal desviam o foco das irregularidades perpetradas pela gestão que sucedeu o professor Natalino Salgado na UFMA.  Sócio, administrador ou dono da empresa Porto Ferreira Ltda, aberta em 2015, o prefeito de Campus está sendo útil sem nenhuma inocência.
Em novembro de 2016, o engenheiro Deivid Porto, na condição de Diretor do Departamento de Obras, esteve acompanhando a reitora Nair Portela, e o pró-reitor de Assistência Estudantil, João de Deus, em vistoria ao campus da Balsas. Na ocasião a reitora manifestou entusiasmo, impressionou-se com a dinâmica da execução das obras realizada pela ‘Firma licitada” e chegou a prever a entrega do novo campus no primeiro semestre de 2017.

A história seguiu e em agosto de 2018, o prefeito de Campus, Deivid Porto Ferreira, contratou a empresa com dispensa de licitação a empresa Edmilson de Oliveira para realizar serviços remanescente da complementação do centro administrativo do campus da UFMA em Balsas, sob justificativa de rescisão contratual. Valor do contrato: R$ 424.953,67.

Os fatos foram solenemente ignorados pelo grupo da oposição com foco centrado na candidatura do professor Natalino Salgado. A disputa aética e desmesurada potencializada pelo grupo tem sido condenada por parte dos candidatos que disputam a consulta prévia que a comunidade universitária da instituição federal deve realizar no dia 26 de junho.

Em debate realizado esta semana no Centro de Ciências Sociais, os candidatos Natalino Salgado e Ridyvan criticaram a forma como a disputa vem acontecendo no ambiente acadêmico, reproduzindo a carnificina moral das acirradas disputas eleitorais pelo poder, com os meios justificando os fins.

“Os debates são essenciais para o exercício e amadurecimento democrático. Eles colaboram sobremaneira para o bom combate”, ressaltou o professor Natalino Salgado em suas considerações sobre a oportunidade confrontar propostas.

FONTE: Diego Emir
Comentários