Wellington volta a cobrar nomeação de novos policiais civis e militares e valorização da categoria

Na tarde da última segunda (16), em mais um pronunciamento, o deputado estadual Wellington do Curso, durante a última sessão antes do recesso parlamentar, voltou a cobrar a nomeação dos 1.800 policiais militares e e de mais 300 policiais civis, alem da quebra da cláusula de barreira, bem como a valorização dos policiais, que inclui a reposição inflacionária e melhoria na estrutura das delegacias do Estado.

Em seu discurso, Wellington destacou mais uma campanha realizada pelo sindicato dos policias civis do Maranhão que espalhou outdoors onde exige do governo valorização da categoria, reposição inflacionária e reajuste salarial, bem como, progressão na carreira.

“Essa não é a primeira vez que solicitamos o reajuste e a reposição inflacionária nos salários dos policiais civis. Além disso, também já solicitamos por diversas vezes melhorias na estrutura das delegacias do Estado e aumento do efetivo, bem como, a quebra da cláusula de barreira no último concurso da polícia civil e nomeação de aprovados de mais 300 aprovados para vários cargos. Além disso solicitamos, mais uma vez, a nomeação imediata de todos 1.760 policiais militares Formados e não nomeados no último concurso da Policia Militar. Também já protocolamos indicação solicitando a reposição inflacionária referentes aos anos de 2017 e 2018. Diferente da propaganda, Flávio Dino não valoriza a polícia civil do Maranhão que clama por um olhar do Estado para a categoria em mais uma campanha pela valorização nos outdoors. Continuaremos na luta em defesa dos policiais civis e militares do Maranhão.” Disse Wellington

Comentários