Wellington do Curso cobra de Flávio Dino fornecimento de medicamentos para idosos no Maranhão

Neste domingo (17), o deputado estadual Wellington do Curso cobrou do governador Flávio Dino que volte a fornecer medicamentos específicos para o tratamento de pacientes, principalmente, de idosos no Maranhão. A cobrança foi feita por meio das redes sociais e formalizada por meio de ofício, além de constar no sistema de proposições da Assembleia Legislativa do Maranhão.

Ao fazer a solicitação, o deputado Wellington mencionou a situação de um idoso de 80 anos que está desde fevereiro sem consumir os medicamentos indicados pelos médicos porque a rede pública deixou de disponibilizar no Maranhão.

“A solicitação aqui apresentada é de maranhenses que necessitam de tal medicamento. Trago o pedido de ajuda dos familiares do Zacarias Alves, de 80 anos. Um idoso com hanseníase e que deveria fazer uso de três medicamentos em dose única uma vez ao mês. A última vez em que isso foi possível foi no dia 24 de fevereiro, no Hospital Genésio Rêgo. Desde então, o paciente segue sem dar continuidade ao tratamento porque os medicamentos não estão mais sendo disponibilizados na rede pública de saúde. Nós já havíamos solicitado ao Governo em oportunidades anteriores que desse atenção especial ao fornecimento de medicamentos. Inclusive, fizemos uma representação no Ministério Público para obrigar Flávio Dino a conceder remédios. Para quem não necessita, talvez seja irrelevante a disponibilização ou não de medicamentos. No entanto, para quem precisa é essencial. Estamos em meio a uma pandemia, e além da Covid-19, os maranhenses ainda sofrem sim com outras doenças. Aguardamos que providências sejam adotadas em caráter de urgência”, disse Wellington.

Os medicamentos para o tratamento da hanseníase são Rifampicina, ofloxacina e minociclina. O paciente deveria ingerir tais medicamentos uma vez ao mês, sendo dose única.

Comentários