Deputado Wellington do Curso cobra do comando da PMMA apuração de denúncia feita por policial sobre assédio e abuso de autoridade

Em defesa dos militares, o deputado estadual Wellington do Curso oficiou o Comandante Geral da Polícia Militar do Maranhão, Pedro Ribeiro, para que apure a denúncia feita pela Soldado PMMA Tatiane Alves Lima, lotada no 3º Batalhão da PMMA em Imperatriz, que afirma ter sido vítima de assédio sexual e atos de abuso de autoridade praticados por militares no exercício da profissão.

A fim de facilitar a realização de diligências, Wellington juntou ao ofício as as acusações formuladas pela vítima.

“ Acabo de oficiar o Comandante Geral da PMMA para que apure a denúncia de assédio sexual e atos de abuso de autoridade feita pela PM Tatiane, lotada no 3° BPM – Imperatriz. A denúncia feita pela PMfem é grave. Deve ser apurada com responsabilidade. Se confirmada, os envolvidos devem ser punidos. Vamos acompanhar essa investigação. O nosso lado é em defesa dos policiais militares. Reafirmo o apoio incondicional à categoria”, disse o parlamentar em suas redes sociais.

Comentários